Assuntos de Goiás TV

sexta-feira, 12 de abril de 2013

Vereador Paulo Magalhães luta pelo direito dos lavadores de carros de trabalhar em Goiânia

Paulo Magalhães ao lado do Prefeito Paulo Garcia

Vereador Paulo Magalhães (PV), que realizou uma audiência pública na Câmara de Goiânia para discutir a retirada de lavadores de carros da Praça Tamandaré, apresentou o PLC 8/13, que define critérios para o tratamento da água usada neste trabalho. As águas servidas com a utilização da lavagem de carros nas vias públicas deverão receber tratamento adequado para eliminação de poluentes.


De acordo com a matéria, os agentes lavadores de veículos terão o prazo de 180 dias, caso seja aprovado o projeto, a partir da publicação da Lei, para instalarem os equipamentos necessários ao cumprimento da legislação.


Ponto para Paulo Magalhães que mais uma vez se coloca do lado da sociedade, principalmente os mais humildes.



O Vereador Paulo Magalhães não é contra os feirantes e donos de comércios nas praças, como insunuou alguns colegas seus no parlamento municipal, apenas defende que assim como eles, os lavadores de carros também estão ocupando a praça para trabalhar e não para vadiar.


O Vereador Paulo Magalhães se coloca do lado dos mais humildes. A atividade de lavagem de carros na praça Tamandaré é a garantia de sustento de várias famílias e ele não acha justo que da noite para o dia os pais de família, que ali labutam, fiquem sem ter de onde tirar o dinheiro que garante o pão na mesa dos seus filhos.



Esse trabalha mesmo. A população de Goiânia pode ter certeza que o Vereador Paulo Pereira Magalhães vai continuar com atuação destacada, sempre em favor da sociedade e dos mais humildes. 

Paulo Magalhães é a favor dos lavadores continuar na praça
Em pouco mais de 100 dias de mandato, o Vereador mostra que tem compromisso com a sociedade e trabalha para dignificar a sua função no parlamento, vai ser o orgulho de quem votou nele e com certeza já esta conquistando a admiração de todos que acompanham o seu trabalho. Enquanto os "oportunistas" tentam se promover as custas do trabalho dos outros, Paulo corre atrás das melhorias que a comunidade quer e precisa. Ponto para o atuante Vereador Paulo Pereira Magalhães.


Lavadores de carro continuaram trabalhando na Praça Tamandaré, região oeste de Goiânia, mesmo depois que a Justiça determinou a retirada dos hidrômetros que eles utilizavam no local, no mês passado. 
A denúncia foi proposta pelo Ministério Público sob alegação de que os produtos usados para lavar os carros poluem o meio ambiente. Segundo os promotores, a água contaminada acabaria caindo na rede pluvial e na praça não existe rede de esgoto.
Funcionários da Empresa de Saneamento de Goiás (Saneago) foram à praça para retirar os hidrômetros no dia 15 de março, mas não o fizeram por causa de um protesto dos lavadores. O trabalho só foi feito no dia 21 de março, à noite, quando o movimento dos trabalhadores é pequeno.
O Promotor Nardini estendeu a decisão para todas as praças da capital.

 Os trabalhadores possuem autorização da prefeitura de Goiânia, que é renovada a cada ano, para atuar no local. Para isso, eles pagam quase R$ 1.100 por ano. Segundo eles, tantos os pontos de hidrômetros e de energia são regularizados e a conta chega todo mês.

Clientes alegam que, além da comodidade, há uma relação de confiança com lavadores, instalados há vários anos na Tamandaré. Uma lei municipal de 2011 regulamenta o serviço nas praças da capital.

Seguir por e-mail

Pesquisar este blog

Seguidores